Soma Notícias

Soma Notícias

Na tarde desta quarta-feira (14) três homens morreram em dois confrontos com a polícia na Zona Norte de Aracaju. No primeiro caso, dois suspeitos, que estariam negociando drogas nas proximidades do bairro Santo Antônio, atiraram contra os policiais durante uma abordagem. Os PM’s reagiram e os criminosos foram atingidos, morrendo no local.

Já no segundo registro, um homem foi abordado em posse de drogas no bairro Soledade. De acordo com informações do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), o indivíduo foi flagrado por policiais que deram voz de prisão, mas ele também reagiu.

Durante troca de tiros, o rapaz foi atingido pelos disparos e acabou falecendo.

|Por Soma Notícias
|Foto: Ilustração

beija flor dsc 2443 alexandre durao g1

A Beija-Flor de Nilópolis é a grande campeã do carnaval 2018 do Rio de Janeiro. A escola fez um paralelo entre o romance "Frankenstein” e as mazelas sociais brasileiras. Corrupção, desigualdade, violência e intolerâncias de gênero, racial, religiosa e até esportiva formaram o cenário de "Brasil monstruoso".

Comandado por Neguinho da Beija-Flor, o samba-enredo “Monstro é aquele que não sabe amar (Os filhos abandonados da pátria que os pariu)” foi cantado em coro pelo público da Sapucaí, que ao final do desfile ocupou a avenida, seguindo a escola.

beija flor dsc 2844 alexandre durao g1

As cantoras Pabllo Vittar e Jojo Todynho foram destaque do carro "O abandono", representando a luta contra a intolerância de gênero e a intolerância racial, respectivamente.

A Beija-Flor tem agora 14 títulos no Grupo Especial do Rio - só fica atrás da Portela e da Mangueira no total de vitórias.

|Com informações de O Globo
|Fotos: Alexandre Durão/G1

19. Este foi o numero de vítimas de homicídios registradas pelo Instituto Médico Legal de Sergipe (IML) durante o carnaval. Ao todo, o órgão recolheu 38 corpos em todo o estado, incluindo mortes por acidentes, assassinatos e outras.

Deste montante, o IML revelou que 16 pessoas foram mortas por arma de fogo, duas por arma branca e uma vítima de espancamento. Os casos ocorreram na capital e interior sergipano.

Entre as ocorrências, estão duas registradas na madrugada desta quarta-feira (14). As vítimas, do sexo masculino, foram identificadas como Edson dos Santos Silva, de 17 anos, proveniente da cidade de Itabaiana; e David Silva Vilar, 22, morto no bairro América, Zona Oeste de Aracaju.

|Por Soma Notícias
|Foto: Equipe Soma+


tartaruga maria odília

Na manhã desta quarta-feira (14), os técnicos da Fundação Mamíferos Aquáticos e do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP) localizaram seis tartarugas mortas no litoral aracajuano. Os animais estavam em diversos pontos da orla de Atalaia e as causas das mortes ainda não foram identificadas.

Os animais encontrados hoje são da espécie Lepidochelys olivácea, conhecida popularmente como Tartaruga Oliva. Outro animal desta mesma espécie foi encontrado morto no começo da semana na praia da Caueira, em Itaporanga d’Ajuda.

Segundo informações da Fundação, somente este ano, 39 tartarugas apareceram mortas nas praias da capital, fator preocupante para os ambientalistas.

A Fundação explica, ainda, que a principal causa das mortes desses animais no litoral sergipano está ligada ao acúmulo de lixo na costa e, também, por ficarem presos nas redes de pesca.

|Por Soma Notícias
|Foto: Maria Odília

alese
Após o fim do recesso parlamentar, a Assembleia Legislativa de Sergipe retoma suas atividades nesta quinta-feira, 15 de fevereiro. O presidente da Alese, deputado estadual Luciano Bispo (PMDB), divulgou convite para a Sessão Solene de instalação dos  trabalhos da 4ª Sessão Legislativa da 18ª Legislatura, que tem início amanhã, às 9h, horário regimental, no plenário Pedro Barreto de Andrade.

Na oportunidade, o presidente da Casa, receberá o vice – governador do Estado, Belivaldo Chagas,  que fará  a leitura do Plano de Governo para o exercício de 2018.

Para o presidente da Casa, Luciano Bispo, a expectativa para este ano,  é de trabalho dobrado do parlamento, uma vez que serão realizadas Eleições Gerais, onde os parlamentares estarão executando seu trabalho da Alese, bem como fazendo um trabalho de base pelo interior sergipano, objetivando suas respectivas reeleições.

|Com informações de: Agencia Alese
|Foto: Divulgação

prouni
O resultado da primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) foi divulgado hoje (14), na internet. Os candidatos pré-selecionados têm até o próximo dia 23 para apresentar nas instituições de ensino os documentos que comprovem as informações prestadas no momento da inscrição.

Após conferir o resultado do ProUni, o candidato pré-selecionado deve verificar na instituição os horários e o local de comparecimento para apresentar as informações necessárias. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicará, automaticamente, a reprovação. A lista com a documentação a ser apresentada está disponível na página do programa.

Para quem não foi pré-selecionado ainda haverá a segunda chamada a ser divulgada no dia 2 de março.

O ProUni seleciona estudantes para receber bolsas de estudo integrais e parciais em instituições particulares de ensino superior com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nesta edição, serão ofertadas 242.987 bolsas de estudo entre integrais e parciais.

As integrais são destinadas aos estudantes com renda per capita de até um salário mínimo e meio. Já as bolsas parciais atendem aos candidatos que tenham renda familiar per capita de até três salários mínimos.

Falha
No início da manhã, o acesso ao resultado do ProUni apareceu na página do programa e minutos depois foi retirado, dando lugar à mensagem “Aguarde o resultado da primeira chamada”. A movimentação fez com que circulasse a informação de que o resultado foi divulgado e depois saiu do ar.

Segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Educação, a divulgação estava prevista para meio-dia, embora os botões de acesso estivessem programados automaticamente para entrar no ar às 9h. Assim que foi percebida a falha, o acesso foi retirado e o resultado divulgado apenas no final da manhã.


|Fonte: Agência Brasil
|Foto: Reprodução/Internet

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) publicou a resolução que disciplina os mecanismos de financiamento de campanha para as eleições de 2018. De acordo com o texto, publicado no dia 2 no Diário da Justiça Eletrônico, além dos recursos partidários e doações de pessoas físicas, os candidatos poderão usar recursos próprios em suas campanhas, o chamado autofinanciamento.

“O candidato poderá usar recursos próprios em sua campanha até o limite de gastos estabelecido para o cargo ao qual concorre”, diz o texto da Resolução 23.553, cujo relator foi o ministro Luiz Fux, que desde o dia 6 ocupa a presidência do TSE.

Haverá limite de gastos com as campanhas. De acordo com a resolução, no caso da disputa pela Presidência da República, o valor máximo com gastos de campanha será de R$ 70 milhões. Nas eleições para o cargo de governador, os valores vão de R$ 2,8 milhões a R$ 21 milhões, conforme o número de eleitores do estado. Para a disputa a uma vaga no Senado, os limites variam de R$ 2,5 milhões a R$ 5,6 milhões, conforme o número de eleitores do estado. Para deputado federal, o limite é de R$ 2,5 milhões e de R$ 1 milhão para as eleições de deputado estadual ou distrital.

As doações, entretanto, ficam limitadas a 10% dos rendimentos brutos auferidos pelo doador no ano anterior à eleição. Os bens próprios do candidato também poderão ser objeto de doação. Mas somente podem ser utilizados na campanha eleitoral quando demonstrado “que já integravam seu patrimônio em período anterior ao pedido de registro da respectiva candidatura”.

A resolução diz ainda que, além da doação ou cessão temporária de bens e serviços, as doações poderão ocorrer inclusive por meio da internet. No caso das doações bancárias, deverá constar o CPF do doador. Já “as doações financeiras de valor igual ou superior a R$ 1.064,10 só poderão ser realizadas mediante transferência eletrônica entre as contas bancárias do doador e do beneficiário da doação.”

A resolução regulamenta também outra novidade, a possibilidade de financiamento coletivo da campanha por meio de plataformas na internet. Para tanto, a plataforma deverá ter cadastro prévio na Justiça Eleitoral. Serão exigidos, ainda, o recibo da transação, identificação obrigatória, com o nome completo e o CPF do doador; o valor das quantias doadas individualmente, forma de pagamento e as datas das respectivas doações.

Essas informações deverão ser disponibilizadas na internet, devendo ser atualizada instantaneamente a cada nova doação. Os dados deverão ser enviados imediatamente à Justiça Eleitoral.

A polêmica em torno do autofinanciamento começou em dezembro do ano passado, quando o Congresso Nacional derrubou o veto do presidente Michel Temer que liberava o autofinanciamento sem restrição nas campanhas. Na ocasião, os parlamentares entenderam que isto poderia favorecer os candidatos com maior poder aquisitivo.

Contudo, a derrubada ocorreu a menos de um ano da eleição, o que poderia ensejar insegurança e disputa jurídica. Com isso, coube ao TSE editar norma com as regras. Pelo calendário eleitoral de 2018, o tribunal tem até 5 de março para confirmar todas as normas para o pleito deste ano.


|Fonte: Agência Brasil

horriodeVero

O horário brasileiro de Verão termina neste domingo, 18 de fevereiro, a partir da 00h. Os moradores do Distrito Federal e mais 10 estados, todos das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste terão que atrasar os relógios em uma hora.

Com isso, o horário no leste do Amazonas e nos estados de Roraima e Rondônia ficam apenas 1 hora atrás do horário de Brasília, e o oeste do Amazonas e Acre ficam duas horas a menos que o horário da capital do país. Os demais estados do Norte e Nordeste – que não aderem ao horário de verão – voltam a ter o mesmo horário de Brasília.

A justificativa para adoção da medida é o aproveitamento maior da luz solar durante o verão. No ano passado, o governo Federal estudou acabar com o horário devido a redução na economia de energia nos últimos anos, mas decidiu manter a prática.

Em 2013, o país economizou R$ 405 milhões com o horário de verão segundo a ONS, a Operadora Nacional do Sistema Elétrico. Três anos depois, em 2016, o valor economizado baixou 63% e foi de 147 milhões.

A ONS argumenta que há uma mudança no hábito de consumo das pessoas, que estão usando mais energia no meio da tarde por causa do calor, o que diminui a economia no início da noite com o aproveitamento da luz solar.

Mesmo mantendo o horário de verão, o governo editou um decreto para reduzir em duas semanas o próximo período do horário, atendendo a um pedido da Justiça eleitoral. Em 2018, os relógios serão alterados apenas depois do 2º turno das eleições, no primeiro domingo de novembro.

Segundo o TSE, o tribunal Superior Eleitoral, o adiamento do horário de verão vai facilitar a apuração dos votos, diminuindo a diferença entre o fim do pleito no Acre e nas regiões que seguem o horário de Brasília.

|Com informações de: Agência Brasil
|Imagem: Reprodução

banco cristina indio do brasil agencia brasil

Após o feriado de carnaval, os bancos reabriram hoje (14), às 12h. As contas de consumo – como de água, energia, telefone e carnês – que venceram no dia 12 ou 13 poderão ser pagas sem acréscimo nesta Quarta-Feira de Cinzas, de acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Normalmente, os tributos já vêm com datas ajustadas ao calendário de feriados nacionais, estaduais e municipais, segundo a Federação. Caso isso não tenha ocorrido no documento de arrecadação, e o pagamento não tenha sido antecipado pelo cliente, ele ainda pode ser feito hoje.

Os pagamentos podem também ser feitos por canais eletrônicos, como pelo site do banco ou aplicativo. Os tributos que possuem código de barras podem ter o seu pagamento agendado nos caixas eletrônicos, no internet banking e pelo atendimento telefônico do banco.

Os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos – para poder visualizar boletos online – poderão ser pagos via Débito Direto Autorizado (DDA).

Para aqueles clientes que irão passar a semana viajando e quiserem ir até uma agência, é possível consultar o endereço dos bancos por estado ou município no site Busca Banco da Febraban.


|Fonte: Agência Brasil
|Foto: Cristina Índio do Brasil/Agência Brasil

fiscalizacao prf

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 249 acidentes graves e 87 óbitos nas rodovias federais desde a última sexta-feira (9). O balanço parcial da Operação Carnaval 2018 foi divulgado hoje (14) pelo órgão. Os números são menores que os do ano passado, quando foram registrados 309 acidentes graves e 131 óbitos até a terça-feira de Carnaval.

A operação segue até a meia-noite de hoje com o reforço de policiamento em trechos e horários críticos nas rodovias federais, aqueles que registram maior incidência de acidentes e de flagrantes de condutas irregulares. O balanço final da Operação Carnaval será divulgado amanhã (15).

Até 0h de ontem (13), as equipes da PRF fiscalizaram 144 mil veículos, com o objetivo de verificar as principais condutas irregulares - ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade, mistura álcool e direção, e falta de equipamentos de segurança. Foram autuados 1.497 motoristas por embriaguez ao volante, número 22% menor do que no mesmo período do ano passado, quando foram flagrados 1.914 motoristas embriagados até a terça-feira de Carnaval.

“Outro comportamento perigoso para os que estão nas rodovias e que ainda persiste é a ultrapassagem irregular, quer seja em locais proibidos ou em situações que não há possibilidades de ultrapassagem segura”, informou a PRF, em nota. Até meia-noite de ontem foram registradas 8.109 autuações por ultrapassagens irregulares, número 17% menor do que ano passado, “mas que ainda mostra uma frequência muito grande de um comportamento que pode definir a ocorrência de um dos acidentes mais letais, que é a colisão frontal”.

A Operação Carnaval 2018 é mais uma etapa da Operação RodoVida, que começou no dia 22 de dezembro de 2017 e se encerrará no dia 18 de fevereiro.

|Fonte e foto: Agência Brasil

Pagina 4 de 170

Sobre Nós

O Soma Notícias é um projeto voltado para garantir que a notícia chegue até o leitor de forma qualificada, com a confiabilidade necessária, numa forma de reportar à toda sociedade assuntos que são de interesse público. Como vivemos um momento diferenciado na comunicação, em que a importância de quem consome a notícia é mais valorizada do que nunca, o Soma Notícias vem para se somar ao objetivo de termos uma sociedade cada vez mais justa, plural e ciente de que os direitos e os deveres dos cidadãos se aplicam a todos, sem exceção. E isso só é possível se tivermos acesso a uma gama de informações confiáveis, que não abram espaço para a dúvida quanto a sua procedência. Essa é a missão do Soma Notícias. E é para executá-la que aqui estamos!

Newsletter

Deixe seu melhor e-mail para receber novidades e/ou promoções.
Somos contra Spam!